A ansiedade e vaidade do Verdão

Nosso querido Uberlândia Esporte Clube não consegue segurar uma fofoca. Não consegue segurar uma informação preciosa. Enfim, não consegue segurar sequer uma contratação. Tem que já anunciar faltando quatro meses para começar o campeonato mineiro os jogadores que eles querem “agradar” a torcida em 2018.

E eu pergunto: pra que tanta ansiedade?

Enquanto nossos adversários estão todos calados, mas se planejando, é claro, nosso Verdão é um livro aberto para consulta para nossos adversários. Eu nem acho que as contratações que o UEC faz sirvam de parâmetro pra alguma coisa, mas o fato é que quando nossos adversários estiverem contratando, já sabem o nível dos jogadores alviverdes e, com certeza, buscarão trazer melhores peças para seus elencos.

Mas não, no UEC o que impera é a ansiedade e a vaidade de ter que mostrar pra todo mundo o quanto eles podem gastar, o que eles podem contratar, enfim, é uma necessidade enorme de querer mostrar serviço, sendo que a torcida verdadeiramente quer não é saber antes o nome dos jogadores, mas bola na rede, três pontos todo jogo e o acesso para a série C em 2019.

Eu sei que o escrevo não vai tirar esta ansiedade e vaidade dos dirigentes, mas enquanto nós trabalhamos igual cigarra, outros times vão caladinhos montando elencos que nos últimos anos sempre foram melhores que os nossos e sem alarde algum…

COMPARTILHAR
Welison Silva
Welison Silva é empresário de profissão e jornalista amador por paixão, foi blogueiro no Globo Esporte e criador do programa resenha do site Canal UEC e logo após Futebol Uberlândia. Apaixonado por futebol e principalmente pelo Uberlândia Esporte Clube, vive dando seus pitacos em relação ao esporte bretão.

DEIXE SEU COMENTÁRIO