Tabajara supera expulsão aos 12 minutos e vence o Girassol

O Tabajara mostrou superioridade sobre o Girassol e venceu a partida, válida pela 7ª rodada do Campeonato Amador, por 2 a 1, no Poliesportivo Jardim Brasília, hoje pela manhã. Resultado normal, se não fosse o fato de o líder do torneio ter jogado com 10 atletas em campo praticamente o jogo inteiro.

O lance aconteceu aos 12 minutos do primeiro tempo. Leslie, zagueiro do Girassol deu um balão que encontrou Marcelo Lambari sozinho. No desespero para cortar a jogada, o goleiro Renan saiu da área e colocou a mão na bola. Falta e cartão vermelho. O técnico Pezão teve que tirar o meia Tiaguinho e colocar o arqueiro reserva, Luiz Fernando.

Com vantagem numérica, o Girassol, que já tinha o domínio do jogo, continuou pressionando. O goleiro Luiz Fernando foi segurando tudo, evitando um revés do líder do campeonato. O Tabajara estava irreconhecível em campo. O primeiro lance de perigo foi apenas aos 22 minutos, com uma lambança do goleiro Alex, que após bola recuada, quase fez contra.

No segundo tempo o jogo ficou melhor, e o Girassol começou mandando a bola no travessão após cobrança de escanteio. Mas, como diz aquele ditado clichê do futebol, quem não faz toma. E o Tabajara abriu o placar aos 21 minutos, com Marinho, após tabela com Esquerdinha.

O gol mexeu com os brios do Girassol que foi com tudo para o ataque. Dois minutos após sofrer o gol, falta próxima a área. Edinho bateu bem e o Luiz Fernando salvou mais uma vez, espalmando para escanteio.

Edinho ajeitou para a cobrança e mandou a bola com curva. Luiz Fernando falhou e a bola morreu no fundo das redes. Gol olímpico no Poliesportivo Jardim Brasília e festa da torcida do Girassol.

E o jogo ganhou ânimo. Aos 30 Marinho deixou Esquerdinha na cara do gol, mas Alex fez uma intervenção primordial. Seis minutos depois foi a vez do Girassol assustar com Gustavo, que ganhou da zaga, mas mandou por cima do gol.

Marinho, que entrou no segundo tempo, também participou do segundo gol do Tabajara. Aos 40 minutos, após fazer boa jogada no meio, deixou Luizinho na frente do gol para fazer 2 a 1. Festa dos jogadores e comissão técnica. Desespero por parte dos torcedores do Girassol, que começaram a jogar latas de bebida dentro do campo. O jogo ficou parado até os ânimos acalmarem.

E o jogo terminou assim. Tabajara, líder com 19 pontos em sete jogos, 2, Girassol, primeiro dentro da zona do rebaixamento com 4 pontos, 1.

Após o jogo, o técnico Sabiá atribuiu a derrota à falta de sorte. “Atacamos o jogo todo, mandamos bola no travessão, mas não deu. Vamos tentar melhorar no próximo jogo para sairmos dessa situação difícil”.

Já Pezão, treinador do Tabajara, afirmou que as mudanças do intervalo melhoraram o rendimento da equipe. “Mesmo com um homem a menos sabíamos da qualidade da nossa equipe, fiz algumas mudanças, optando por jogadores mais rápidos e sabíamos que, não sofrendo gols, poderíamos sair com a vitória e foi o que aconteceu. Acredito que, de todas as equipes, o Girassol foi uma das equipes com mais qualidade que enfrentamos até agora, sem querer desmerecer nenhuma”.

Na próxima rodada o Girassol busca sair da zona de degola contra o Lagoinha, fora de casa. Já o Tabajara tem um jogo dificílimo contra o Tocantins. O jogo vale a liderança da primeira fase do Campeonato Amador.

A rodada se encerra na quinta-feira, feriado de 7 de setembro, com o jogo entre América x Vasco da Gama, no Airton Borges.

Outros resultados da 7ª rodada do Campeonato Amador

  • Floresta 3 x 3 Luizote
  • Voluntários 3 x 1 Minas Gerais
  • Tocantins 2 x 1 Pinheiro
  • Industrial 0 x 1 Lagoinha
  • Santa Luzia 3 x 0 Nova Aliança
  • Colorado 0 x 1 Fluminense
  • Real 1 x 7 Rio Branco
  • Guarany 2 x 3 Aurora
  • América x Vasco da Gama – jogo será realizado no quinta-feira (7)

DEIXE SEU COMENTÁRIO