Vettel poderá não correr na Inglaterra

Se cometer nova infração, chegará a 12 pontos na superlicença e não poderá correr na Inglaterra


A forma imtempestiva como vem guiando sua Ferrari, desde o ano passado, já rendeu a Sebastian Vettel 9 pontos na superlicença para guiar carros de Fórmula 1. Como na carteira de habilitação dos motoristas, os pontos acumulados por infrações na F1 só expiram após um ano, e não podem passar de 12. Significa que se o alemão cometer mais um erro no GP da Áustria pode ser punido com a suspensão do GP da Inglaterra, em Silverstone.

Vettel começou a acumular pontos exatamente no GP da Inglaterra de 2016. Naquela prova, disputada sob chuva, Vettel perdeu o controle na parte sinuosa do circuito, saiu da pista e levou Felipe Massa junto. A direção da prova considerou o alemão culpado, o puniu com 5s de stop and go nos boxes e, desde então, ele começou a acumular pontos por erros.

O mais recente ocorreu domingo, quando jogou seu carro em cima de Lewis Hamilton, dando o troco por que o britânico desacelerou e fez com que a Ferrari #5 atingisse a traseira do Mercedes-AMG #44. Vettel recebeu 10s de stop and go e acumulou mais três pontos na superlicença.

Significa que está proibido de extrapolar no GP da Áustria, dia 9 de julho. Se vier a tomar mais 3 pontos de punição, chega a 12 e, como pena, será suspenso do próximo GP, que será exatamente na Inglaterra, dia 16 de julho. Apesar dos atropelos, Vettel segue líder do campeonato, somando 153 pontos contra 139 de Hamilton.

Por: Redação racingmotorsports.com.br 

DEIXE SEU COMENTÁRIO