Faço dieta e não emagreço – “Mentira”

A Perda de peso se resume a comer menos e se exercitar mais

Como dizer isto para todas as pessoas que comem 1200 calorias por dia e fazem uma hora ou mais de aeróbico por dia e mesmo assim não perdem peso.

Infelizmente, esse cenário é muito mais comum do que você pensa. A perda de peso é uma função do balanço energético negativo ao longo do tempo. No entanto, um balanço energético negativo não é criado automaticamente por comer menos e se mover mais.

Isso porque o seu metabolismo se adapta a grandes déficits calóricos pela regulação de hormônios importantes da perda de gordura, baixando seus níveis e usando as calorias que você come de forma mais eficiente. Você pode perder peso rapidamente por um tempo, ai seu organismo se adapta e você atinge o platô.

A Verdade:

A perda de peso sustentável se resume a comer tantas calorias quanto possível, desde que ainda permita que você perca peso, a se exercitar com segurança e eficácia com o objetivo final de melhorar a sua saúde e condicionamento.

Você precisa criar um déficit diário de 500 calorias para perder um quilo

Todos nós já ouvimos que há cerca de 3500 calorias em um quilo. Com base nisso, o conselho padrão é comer 500 calorias por dia a menos para perder 1 por semana. Sorte para nós, que a matemática nem sempre é simples assim no mundo real.

O problema com este conselho é que as pessoas começam a comer menos calorias do que as necessárias e quando perda de peso atinge um platô, elas cortaram mais 500 calorias de sua dieta – reduzindo sua ingestão de calorias para quase nada. Este é o problema que torna este déficit diário uma das maiores mentiras do emagrecimento.

A Verdade:

Mesmo pequenas reduções na ingestão de alimentos pode causar a perda de peso significativa. Muitas vezes, uma redução de 100 calorias por dia é o suficiente para ver o seu ritmo de perda de peso continuar em frente.

5-6 pequenas refeições por dia é melhor para perda de peso

Esse é o conselho padrão no mundo do fitness. A dica é geralmente para fazer 5-6 pequenas refeições, ou 3 refeições e 2-3 lanches. Não há nada de errado com este conselho a não ser pelo fato de que a grande maioria da população tem dificuldade de manter um estilo de vida com esta quantidade de refeições.

A boa notícia é que não faz nenhuma diferença significativa se você receber 2000 calorias de 5 refeições ou 2.000 calorias de 3 refeições. No final do dia, você ainda está comendo 2000 calorias e criando o mesmo déficit calórico. Comer obrigatoriamente 6 refeições por dia para emagrecer é uma das mais conhecidas mentiras do emagrecimento.

A Verdade:

Ao decidir sobre a frequência das refeições, você deve escolher um que você vai ser capaz de manter no longo prazo. Se comer 6 refeições por dia não é o melhor para você, se ele faz com que você se estresse carregando potes por todos os lados, provavelmente você acabará desistindo do seu plano de alimentação.

Todos os alimentos Rotulados como saudável são saudáveis

A indústria e o comércio de alimentos têm realmente se aproveitado dos limites legais do que é considerado verdadeiro e o que não é. Houve um crescimento enorme nos últimos tempos na indústria de alimentos saudáveis. Os fabricantes de alimentos estão tentando fazer uma versão saudável de cada “prazer alimentar” que você possa imaginar.

Será mesmo possível?! Um alimento industrializado é um alimento industrializado, e não importa se ele é feito com todos os ingredientes orgânicos ou não. Claro, é bom quando não contém todas aquelas porcarias artificiais, mas o cookie saudável, por exemplo, ainda é composto de açúcar e farinha!

A Verdade:

Olhe atentamente para a seção de ingredientes. Se os primeiros ingredientes são açúcar ou farinha, é provável que não é tão saudável como representa na parte da frente da caixa.

Você pode direcionar a perda de gordura para uma determinada área do corpo com exercícios

Reduzir gordura localizada é um mito que parece que nunca morrerá. Programas inteiros de perda de gordura são baseados no conceito de queimar gorduras em áreas específicas do corpo.

Infelizmente, nós não conseguimos escolher onde a gordura armazenou, e nós também não podemos escolher onde ele será queimada.

A Verdade:

A perda de gordura é um processo sistêmico, não localizado. A combinação de uma dieta de qualidade que mantém um déficit calórico com um programa de exercícios equilibrada é a única maneira de perder gordura de todas essas áreas problemáticas. Clássica mentira do emagrecimento utilizada pelo marketing.

Fonte: docedieta.con

COMPARTILHAR
Xandão Andrade
Xandão Andrade é professor de Educação Física, formado pela UNIP (Universidade Paulista), Empresário na Área Fitness e Personal Trainer na cidade de Uberlândia, com passagens nas praias do Litoral Paulista onde implementou o Treinamento de Alta Performance nas areias da praias de lá.

DEIXE SEU COMENTÁRIO