Patrocinense só empata e sobe Tupynambás na Segundona

Precisando vencer para seguir vivo na disputa por uma vaga no Módulo II de 2017, o Patrocinense até que saiu vencendo, mas só empatou em Itabira com o Valeriodoce pelo placar de 2 a 2 na manhã deste domingo (13) no estádio Israel Pinheiro. Com o resultado, a equipe segue viva na luta, mas precisará torcer contra o Betinense nos dois últimos jogos; já os itabirenses estão eliminados desde a sexta rodada.

O time do Alto Paranaíba abriu 2 a 0 no placar ainda no primeiro tempo, com gols de Ademir e Michael. Entretanto, voltou mais relaxada para o segundo tempo, e o Valeriodoce marcou duas vezes em três minutos, com Guilherme e Silas; mesmo com um a mais em grande parte do segundo tempo, o CAP não conseguiu chegar à meta adversária com precisão.

O resultado garantiu matematicamente o acesso do Tupynambás, de Juiz de Fora, para o segundo escalão mineiro. Isso porque o Baeta chegou a 18 pontos no sábado e restando dois jogos para o fim da competição não pode mais ser ultrapassado pelo terceiro colocado – o próprio Patrocinense, que com o empate chegou a 11.

Na próxima rodada, o Valeriodoce vai até Jacutinga enfrentar os donos da casa no sábado (19), às 15h30. No domingo, às 11h, o Patrocinense viaja até Juiz de Fora para encarar o líder Tupynambás.

CHANCES DE CADA EQUIPE

  • O Betinense tem a tarefa mais fácil de todas as equipes que ainda lutam para subir. Se ganhar do Coimbra fora de casa na próxima rodada, está classificado; se empatar, dependerá de uma derrota do Patrocinense em JF para subir; e se perder, adia a classificação independente de qualquer outro resultado;
  • O Patrocinense depende de uma vitória contra o Tupynambás e de um tropeço do Betinense para seguir lutando pelo acesso. Se empatar, o melhor resultado seria uma vitória do Coimbra em Nova Lima, que embolaria a disputa pela segunda vaga;
  • O Coimbra tem 10 pontos e precisa vencer o Betinense, além de torcer contra a Patrocinense. Se empatar ou perder, está fora;
  • O Jacutinga precisa de mágica para subir. Com oito pontos e a quinta colocação, precisa vencer seus dois jogos restantes e torcer para que o Betinense não vença mais, que o Coimbra faça três pontos e o Patrocinense, apenas mais dois. Isso tudo somando-se ao fato da equipe precisar tirar, no mínimo, nove gols de desvantagem no saldo para o atual segundo colocado.

1º Tupynambás – 18pts (5V)
2º Betinense – 14pts (4V)
3º Coimbra – 10pts (3V)
4º Patrocinense – 10pts (3V)
5º Jacutinga – 8pts (2V)
6º Valeriodoce – 5pts (1V)

      = classificado ao Módulo II de 2017
      = eliminado

 

COMPARTILHAR
Victor Albergaria
VICTOR ALBERGARIA tem 22 anos e é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia. Trabalhou por quatro anos em diversas rádios no dial e online da cidade, dentre elas a Universitária FM e a Cultura AM. É produtor de vídeos, narrador e repórter esportivo, além de ter sido colunista do site UBER Notícias em 2016.

DEIXE SEU COMENTÁRIO