Atlanta é a mais nova equipe do Futebol Amador de Uberlândia

Com uma filosofia voltada para o trabalho social, o Atlanta Futebol Clube promete chegar em 2017 com uma nova concepção para o Futebol Amador de Uberlândia. A equipe não é ligada a nenhum bairro específico da cidade e promete chegar à elite em pouco tempo.  A ideia de fundação do time surgiu no ano passado, através de uma equipe de futsal que disputava jogos e competições pela cidade.  O time já tem toda a documentação pronta na Liga Uberlandense de Futebol (LUF) e conta com 33 jogadores, a maioria jovem advindos de categorias de base de toda a cidade.

Outro diferencial do time será a regularidade de atletas com os treinamentos aos meios de semana, o que raramente acontece com as equipes amadoras, que costumam se encontrar somente nos dias de jogos. “O jogador tem que treinar e só pode faltar a três compromissos. Não vamos trabalhar com rios de dinheiro, mas nossa ideia é oferecer estrutura como fisioterapia, plano odontológico, seguro de vida e quem sabe até plano de saúde”, disse o presidente do clube Igor de Azambuja.

Marco Tulio e Igor Azambuja são diretores da nova geração do futebol amador
Marco Tulio e Igor Azambuja são diretores da nova geração do futebol amador

Os diretores da equipe estão na busca por patrocinadores para ajudar no projeto do Atlanta, que terá também como foco campanhas sociais e também apoio contra o preconceito racial. As cores da equipe serão as mesmas do Boca Juniors, time de maior popularidade na Argentina. “Este ano, não quisemos participar da Copa Uberlândia, mas estamos fazendo amistosos. Estamos também na busca por um treinador que tenha o perfil da equipe, pois vamos trabalhar com um time bem treinado dentro de campo, com sistema de jogo definido e jogadas ensaiadas”, disse o vice-presidente do Atlanta, Marco Tulio Marques Maciel.

COMPARTILHAR
Eder Lúcio
Eder Lucio é jornalista formado no Centro Universitário do Triângulo (Unitri) e tem especialização em Jornalismo Esportivo. Trabalhou por oito anos como repórter do Jornal Correio de Uberlândia, no qual participou de coberturas jornalisticas na região e por todo o Brasil.

DEIXE SEU COMENTÁRIO